PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Rússia critica ‘ingerência externa’ em Cuba

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

"Consideramos inaceitável qualquer ingerência externa”, diz a Rússia.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Os protestos recentes em Cuba acontecem em meio à pior crise econômica enfrentada pelo país desde o fim da União Soviética.

A disparada recorde de infecções pelo novo coronavírus também contribui para inflamar a revolta popular com a ditadura comunista.

Neste domingo (11), ao tomarem as ruas de várias cidades do país, os cubanos expressaram revolta com a escassez de produtos básicos, as limitações às liberdades civis e a maneira como as autoridades lidam com a pandemia.

Na manhã desta segunda-feira (12), a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, afirmou que o país não aceitará “ingerência externa” em Cuba.

Zakharova declarou:

“Consideramos inaceitável qualquer ingerência externa nos assuntos internos de um Estado soberano e qualquer ação destrutiva que favoreça a desestabilização da situação na ilha.”

Enquanto isso, a ditadura de Miguel Díaz-Canel culpa, sem provas, os Estados Unidos por supostamente promover as manifestações.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.