Rússia enviará infectados por coronavírus para Sibéria

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Moscou já registrou até o momento dois casos de coronavírus. Os infectados foram colocados em isolamento.

O governo da Rússia montará uma área de quarentena na região de Tyumen, na Sibéria.

O local receberá os cidadãos russos retirados do epicentro da epidemia de coronavírus na China.

A informação foi confirmada, nesta terça-feira (4) pela agência de notícias Interfax, citando a vice-premiê russa Tatiana Golikova.

Golikova explicou que os russos serão mantidos em quarentena por 14 dias, mas que a esperança é que eles estejam saudáveis.

Nesta segunda-feira (3), o governo Vladimir Putin afirmou que expulsará os estrangeiros infectados com o novo coronavírus.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.