Rússia fecha fronteiras com China por medo do coronavírus

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Rússia e China compartilham uma fronteira de 4.300 quilômetros. Nove passagens fronteiriças estão fechadas.

Até o dia 7 de fevereiro, três regiões do extremo oriente da Rússia vão manter fechadas suas fronteiras com a China por causa do surto de coronavírus.

Na capital Moscou, as autoridades adotaram medidas especiais de segurança em hotéis e locais turísticos.

As ações estão sendo tomadas enquanto o número de mortos pelo vírus subiu para 106, com mais de 4.500 casos confirmados.

Apesar de ainda não ter nenhum caso confirmado do coronavírus, a Rússia tem voos diários diretos para várias cidades chinesas.

O fechamento das fronteiras afeta as travessias no extremo oriente nas regiões de Khabarovsk, Amur e Oblast Autônomo Judaico.

Atualmente, nove passagens de fronteira terrestre para a China não estão funcionando, informa o portal Terra.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.