- PUBLICIDADE -

Rússia pede que Irã respeite pontos-chave do acordo nuclear

Rússia pede que Irã respeite pontos-chave do acordo nuclear
- PUBLICIDADE -

Rússia sustentou que foram as sanções dos EUA que forçaram o Irã a superar os limites de suas reservas de urânio.

O chanceler da Rússia, Sergei Lavrov, pediu, nesta terça-feira (2), ao Irã que respeite os pontos-chave do Plano Integral de Ação Conjunta (JCPOA) assinado em 2015.

Nesta segunda-feira (1º), o ministro das Relações Exteriores do regime islâmico em Teerã confirmou que foi violado pela primeira vez o acordo nuclear.

“Segundo o plano que havíamos anunciado previamente. Dissemos claramente o que faríamos e assim estamos fazendo. Consideramos que isso é parte dos nossos direitos sob o acordo”, disse o chanceler Mohammad Javad Zarif.

Depois de se reunir com autoridade iraniana, o chanceler da Rússia declarou:

“Fazemos um chamado a nossos colegas iranianos para que mostrem moderação, não cedam em nenhum caso às emoções, e respeitem os pontos-chave das garantias oferecidas à Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) e os pontos do protocolo adicional a este acordo.”

Por outro lado, Lavrov pediu aos países europeus que cumpram seus compromissos e implementem o mecanismo para contornar as sanções econômicas dos Estados Unidos e manter a troca comercial.

Nesse sentido, ressaltou que sem este mecanismo financeiro com o qual realizar transações com o Irã “será muito difícil manter um diálogo com sentido e efetivo para conservar o JCPOA”, informa a agência EFE.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -