- PUBLICIDADE -

Salles dá o caso Nhonho como ‘assunto encerrado’

Salles inicia viagem para mostrar que Brasil é 'exemplo de sustentabilidade'

Ricardo Salles quer tratar o caso como "assunto encerrado".

- PUBLICIDADE -

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, diz ter identificado o ex-assessor que supostamente teria usado o seu perfil no Twitter para responder a um ataque do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

O nome do responsável, no entanto, não foi divulgado pela pasta.

Na última quinta-feira (29), Salles disse que havia pedido que Agência Brasileira de Investigação (Abin) para apurar a suposta invasão.

Procurada pela reportagem do jornal Estadão, a Abin não se manifestou.

Horas depois, o ministro deu uma nova explicação a interlocutores, afirmando que um ex-assessor admitiu ter se equivocado e publicado a ofensa a Maia no perfil de Salles, em vez de usar a conta pessoal dele.

Agora, ainda de acordo com o jornal, sem identificar o suposto responsável pelo caso Nhonho, o ministro passou a tratar o episódio como “assunto encerrado” e abriu mão de pedir uma investigação.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -