Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Salles sobrevoa operação contra garimpo ilegal na Amazônia

Salles sobrevoa operação contra garimpo ilegal na Amazônia
Mining pushes through and devastates the Munduruku Indigenous Land, impacting people, rivers and the forest itself, with over 240 hectares deforested between January and April 2020, a 57% increase regarding the same period the previous year.Over 70% of all mining in the Amazon between January and April 2020 took place inside protected areas. Munduruku and Sai Cinza Indigenous Lands, home to the Munduruku people, in the state of Pará, hold over 60% of all deforestation by mining registered in all Indigenous Lands in 2020. Mining has also deforested 879 hectares inside Conservation Units between January and April 2020, an 80.62% increase regarding the same period of the previous year.   O garimpo avança de modo devastador na Terra Indígena Munduruku, impactando o povo, os rios e a floresta, que foi desmatada em mais de 240 hectares apenas entre os meses de janeiro e abril de 2020, um aumento de 57% em relação ao mesmo período do ano anterior.Mais de 70% de todo o garimpo realizado na Amazônia entre janeiro e abril de 2020 ocorreu dentro de áreas protegidas. As terras indígenas Munduruku e Sai Cinza, do povo Munduruku, no Pará, acumulam, juntas, pouco mais de 60% de todo o desmatamento para garimpo registrado dentro de terras indígenas em 2020. O garimpo também consumiu 879 hectares de floresta dentro das Unidades de Conservação entre janeiro e abril deste ano, o que representa um aumento de 80,62%, comparado aos mesmos meses de 2019.  
COMPARTILHE

A operação do governo brasileiro visa a desmantelar pontos de garimpo ilegal.

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, sobrevoou, nesta quarta-feira (5), uma operação contra garimpo ilegal na terra indígena Munduruku, localizada no Pará

O governo brasileiro estima que sejam retirados 700 kg de metal precioso da região mensalmente. Sobrevoando a área é possível ver centenas de garimpos. Indígenas participam da extração irregular de ouro. 

Salles tenta mostrar sinais ao mundo que reduzam a pressão econômica e internacional à qual o governo Jair Bolsonaro está submetido por causa de sua política ambiental.

O jornal Poder360 cobriu a ação in loco, a convite do ministério. Também viajaram ao local na comitiva de Salles profissionais de TV Bandeirantes, CNN Brasil e revista Veja.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários