Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Saqueadores estão na mira de nova proposta do governador da Flórida

Saqueadores estão na mira de nova proposta do governador da Flórida
COMPARTILHE

Governador busca formas de conter distúrbios violentos após caso George Floyd.

O governador da Flórida, Ron DeSantis, elaborou um projeto de legislação que expandiria a lei estadual “Stand Your Ground”. 

Alguns temem que a medida permitiria que cidadãos armados atirassem e potencialmente matassem qualquer pessoa suspeita de saques, diz a emissora FOX News

A mais nova proposta de DeSantis é uma resposta aos meses de protestos, que frequentemente terminaram em distúrbios violentos, após a morte de George Floyd, em Minneapolis

A legislação é uma tentativa de evitar “aglomerações violentas e desordenadas”, permitindo a violência contra qualquer pessoa envolvida na “interrupção ou prejuízo” de um negócio. 

“Isso permite que os vigilantes justifiquem suas ações”, disse Denise Georges, ex-procuradora do condado de Miami-Dade, que trabalhou com casos do programa “Stand Your Ground”.  

“Também permite que a morte seja a punição por um crime contra a propriedade – e isso é uma punição cruel e incomum. Não podemos viver em uma sociedade sem lei onde tirar uma vida é feito de forma casual e imprudente”, acrescentou Denise. 

O projeto de lei também inclui medidas que tornariam o protesto que perturba o público ao bloquear o trânsito, um crime de terceiro grau.  

A lei também concederia imunidade aos motoristas que matassem ou ferissem sem querer manifestantes que estivessem bloqueando o trânsito. 

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE