Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Satélites ‘Lego’ vão integrar futuras missões espaciais

REDAÇÃO RENOVA Mídia

REDAÇÃO RENOVA Mídia

Satélites 'Lego' vão integrar futuras missões espaciais
Imagem: Divulgação/NovaWurks
COMPARTILHE

Apesar do tamanho bastante reduzido, os “satlets” fornecem tudo o que um satélite necessita.

O Excite é um satélite feito de outros satélites, todos clones um dos outros, capazes de se unirem e trabalharem juntos. 

Há cerca de um ano, um lançamento espacial possibilitou um dos primeiros testes com esse material, que pode desempenhar papel em mais missões no futuro.

O Excite foi lançado ao espaço graças a uma empresa chamada NovaWurks, que fabrica “satlets”, ou seja, estes satélites com poucos centímetros de espessura. 

Apesar do tamanho reduzido, os “satlets” fornecem tudo o que um satélite necessita: formas de se comunicar com a Terra, mover-se no espaço e processar dados, além de possuir uma fonte de energia própria. 

Basta conectar a câmera, o sensor de radiação ou o circuito do computador antes do lançamento e enviar o pacote inteiro para o espaço.

Anos atrás, a Darpa, organização avançada de pesquisa e desenvolvimento do Departamento de Defesa dos Estados Unidos, iniciou o projeto Phoenix, com o objetivo de descobrir se seria possível combinar pequenos satélites em um maior.

Semelhante ao icônico Lego, não só é possível fazê-los trabalhar em conjunto, mas também juntá-los em uma única peça. Assim, em 2012, a agência começou a negociar com a NovaWurks, que acabou se tornando a principal contratada para essa parte do projeto.

Uma grande vantagem destes “satlets” é a sua produção em massa, o que reduz os custos e afasta a ideia de que cada novo instrumento a ser enviado à órbita requer um satélite novo, informa o site Olhar Digital.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM