Português   English   Español

Segurança reforçada para Bolsonaro no hospital Albert Einstein

Segurança reforçada para Bolsonaro no hospital Albert Einstein

Agentes da Polícia Federal implementaram um forte esquema de segurança na ala onde está internado Jair Bolsonaro no hospital Albert Einstein.

A jornalista Sônia Racy, em sua coluna no jornal Estadão, descreveu o esquema de segurança do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) no Hospital Israelita Albert Einstein:

Quem precisa visitar algum parente internado na UTI do Einstein, na mesma ala restrita onde está Bolsonaro, tem que passar por inúmeros seguranças: da recepção à entrada no setor há uma lista de pessoas autorizadas para cada quarto.

Se o nome do visitante não estiver na lista, não passa. Na porta do quarto do candidato fica um agente da PF com cara de poucos amigos.

Em entrevista recente ao jornalista Augusto Nunes, transmitida na rádio Jovem Pan, o candidato do PSL disse acreditar que o ataque sofrido na cidade de Juiz Fora, em Minas Gerais, foi um atentado político.

Para Bolsonaro, tudo foi planejado e o responsável confesso pelo crime, Adélio Bispo de Oliveira, não agiu sozinho, conforme publicado pela Renova Mídia.

Deixe seu comentário

Veja também...