- PUBLICIDADE -

Seleção da Argentina cancela amistoso em Israel

Reta Final nas Eleições de Israel

- PUBLICIDADE -

Depois de muitos protestos de palestinos, a Associação do Futebol Argentino (AFA) confirmou o cancelamento do amistoso contra Israel, que aconteceria neste sábado (9).

Liderados por Lionel Messi, os atletas argentinos se mobilizaram contra a realização da partida.

A federação tentou mudar o local do confronto de Jerusalém para Haifa, mas os jogadores rejeitaram a opção.

De acordo com informações do UOL:

“No fim pudemos fazer o correto. Primeiro vem a saúde e o senso comum. Achamos que o melhor era não ir”, disse Higuain à ESPN local. Nesta terça-feira, manifestantes foram até a porta do CT Joan Gamper, na Catalunha, e fizeram um ato de repúdio ao jogo que será realizado em Jerusalém.

Com bandeiras da Palestina e uniformes tingidos de vermelho para simbolizar sangue, as pessoas presentes no protesto manifestaram contra a decisão da federação argentina de levar a seleção para um jogo pré-Copa do Mundo no país.

A Federação de Futebol da Palestina agradeceu à AFA.

‘Tem muito mérito a seleção argentina, que decidiu não se converter em uma ferramenta política’, disse Susan Shalabi, diretora internacional da associação.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -