- PUBLICIDADE -

Senado aprova auxílio de R$ 600 a trabalhadores informais

Congresso deve dobrar fundo eleitoral para R$ 3,5 bilhões

- PUBLICIDADE -

Os senadores validaram o PL 1.066/2020, que ficou conhecido popularmente como “coronavoucher”. 

O Senado Federal aprovou, nesta segunda-feira (30), por unanimidade, o projeto que repassa um auxílio de R$ 600 para trabalhadores informais, intermitentes inativos e microempreendedores individuais (MEIs).

A medida foi tomada meio ao avanço da pandemia do novo coronavírus no Brasil.

A proposta não precisará voltar à Câmara dos Deputados, que já a aprovou na semana passada, e agora segue para a sanção do presidente da República, Jair Bolsonaro.

O benefício emergencial base será de R$ 600 para aqueles que se encaixarem nas regras. No caso de mulheres provedoras de família, a cota será dobrada e chegará a R$ 1.200, destaca a revista Exame.

De acordo com o texto aprovado, os valores serão pagos durante um período de três meses, podendo ser prorrogados enquanto durar a calamidade pública.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -