- PUBLICIDADE -

Senado dos EUA prevê retirada de nomes de confederados de bases militares

Congresso dos EUA pode investigar origem chinesa do coronavírus

- PUBLICIDADE -

Trump ameaçou bloquear o projeto devido ao plano de mudar os nomes das instalações.

O Senado dos Estados Unidos aprovou, nesta quinta-feira (23), um projeto de lei que destina US$ 740,5 bilhões ao Pentágono e fixa as prioridades do Departamento de Defesa.

O projeto também prevê a retirada dos nomes das bases militares que homenageiam figuras históricas pró-escravidão.

A versão do Senado da Lei de Autorização de Defesa Nacional para Gastos Críticos foi aprovada com 86 votos a favor e 14 contra.

Alcançado com o apoio de membros do Partido Republicano, a votação superou os dois terços necessários para impedir um veto do presidente Donald Trump

O chefe da Casa Branca havia ameaçado bloquear o projeto devido ao plano de mudar os nomes das instalações.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -