Senado aprova intervenção federal decretada por Michel Temer

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O plenário do Senado Federal aprovou na noite desta terça-feira (20) o decreto presidencial de intervenção na segurança pública do Rio de Janeiro por 55 votos a 13.

A votação no Senado durou pouco mais de três horas, a metade do tempo utilizado pela Câmara para discutir e aprovar o decreto. É a primeira vez que a União intervém em um estado desde 1988.

A maioria das bancadas partidárias indicou voto favorável à nomeação de um interventor para comandar as operações de combate à criminalidade no estado do Rio.

Com a aprovação, o general Walter Souza Braga Netto passa a exercer o papel de interventor no Rio, reportando suas ações ao ministro da Defesa, Raul Jungmann, e ao presidente Michel Temer.

O militar passa a chefiar, além das tropas da Forças Armadas na região, os policiais civis e militares, e os bombeiros fluminenses durante o prazo de vigência do decreto, até 31 de dezembro deste ano.

 

Leia mais informações sobre o decreto no site da Gazeta do Povo.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.