Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Senador comunista Bernie Sanders quer Lula fora da cadeia

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

Um grupo de 29 congressistas dos Estados Unidos, incluindo o senador comunista Bernie Sanders, vai enviar nesta quinta-feira (26) ao governo brasileiro uma carta em que denuncia a “intensificação do ataque à democracia e aos direitos humanos no Brasil” e pede providências.

O documento destaca a prisão do ex-presidente Lula, em função do que afirma serem “acusações não comprovadas” em um julgamento “altamente questionável e politizado”, e à morte da vereadora e ativista Marielle Franco, no Rio de Janeiro.

Para o grupo, os dois fatos demonstram uma vigente “ameaça à democracia no Brasil”, segundo afirmou o deputado Mark Pocan, democrata de Wisconsin e líder da iniciativa.

Na carta, o presidiário Lula é chamado de “o principal candidato presidencial” para as eleições de outubro.

Os deputados pedem que ele responda ao processo em liberdade, e afirmam que “a luta contra a corrupção não deve ser usada para justificar a perseguição de opositores políticos ou negar-lhes o direito de participar livremente das eleições”.

 

Com informações da Folha
- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.