- PUBLICIDADE -

Senadores cobram investigação de Dias Toffoli

Toffoli quer combater 'assassinato de reputações' nas redes sociais
- PUBLICIDADE -

STF busca minimizar suspeita de pagamentos por venda de decisões.

Nesta terça-feira (11) tomamos conhecimento que a Polícia Federal (PF) encaminhou ao Supremo Tribunal Federal (STF) um pedido de abertura de inquérito para investigar supostos repasses ilegais ao ministro Dias Toffoli

O pedido tem como base o acordo de colaboração premiada de Sérgio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro.

Agora, senadores estão cobrando a investigação de Toffoli, destaca o jornal Folha em matéria publicada nesta quarta-feira (12).

Saiba mais detalhes:

  • “São seguidos os rumores sobre o Toffoli, principalmente com relação à libertação tão rápida do José Dirceu, quando [Toffoli] deveria ter se dado por impedido, pois trabalhou na Casa Civil com ele”, diz o senador Lasier Martins (Podemos-RS).
  • Venho defendendo há muito tempo a necessidade de apurar a conduta de alguns ministros do Supremo. Espero que a Justiça se mostre igual para todos e a investigação tenha andamento, pois as denúncias são gravíssimas”, diz o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE).
  • Tem de ver se tem alguma fundamentação, tem de apurar. Qualquer um que tenha indícios com provas, óbvio, tem de ser apurado. Não adianta só a palavra de alguém. Tem de ver as provas, se ele [Cabral] tem como provar, cabe, inclusive, outras coisas, não só impeachment”, diz o senador Izalci Lucas (PSDB-DF).
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -