Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Senadores deixam governo da Itália e aderem a partido de Salvini

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Senadores deixam governo da Italia e aderem a partido de Salvini
Imagem: ANDREAS SOLARO/AFP/Getty Images
COMPARTILHE

Governo italiano agora deve enfrentar dificuldades para aprovar seus projetos. Novas baixas podem comprometer a coalizão.

Três senadores da Itália abandonaram o governo e aderiram ao partido direitista Liga, liderado pelo ex-ministro Matteo Salvini, que conduz uma estratégia de tentar atrair parlamentares descontentes do Movimento 5 Estrelas (M5S).   

Ugo Grassi, Francesco Urraro e Stefano Lucidi pertenciam ao próprio M5S, mas estavam descontentes por conta da aliança da sigla com a esquerda para evitar a convocação de eleições antecipadas.   

O ministro das Relações Exteriores da Itália, Luigi Di Maio, líder do M5S, declarou:   

“Prometeram alguma coisa para eles nas eleições regionais, uma cadeira nas eleições nacionais. Digam: quanto custa por quilo um senador para a Liga?”

Já o ex-ministro Salvini disse que as portas da Liga continuam abertas para dissidentes insatisfeitos com a aliança governista, informa a agência ANSA.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.