Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Senadores do PT sinalizam apoio a Aras para PGR

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Senadores do PT sinalizam apoio a Aras para PGR

Aras tenta angariar votos com os senadores. Ele será sabatinado na Casa e precisa do apoio de 41 dos 81 senadores para ser confirmado PGR.

O subprocurador Augusto Aras foi escolhido pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, para substituir Raquel Dodge no comando da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Em busca de apoio no Senado, Aras iniciou uma jornada por Brasília, na segunda-feira (9), com várias reuniões ao lado de parlamentares nos últimos dias.

Nesta quarta-feira, 11 de setembro, ele teve uma conversa com parte da bancada do Partido dos Trabalhadores (PT).

“O discurso mais crítico à Operação Lava Jato adotado pelo subprocurador Augusto Aras agradou os petistas”, diz o jornal Valor Econômico sobre o encontro.

“O discurso contra uma conduta considerada ‘punitivista’ do Ministério Público e de independência em relação ao governo agradou aos parlamentares petistas”, afirmou o portal Terra.

“Foi uma conversa esclarecedora, ele colocou vários pontos com os quais temos concordância”, disse o líder do PT no Senado, Humberto Costa, em conversa com o site Sputnik Brasil.

Aras tenta angariar votos com os senadores. Ele será sabatinado na Casa e precisa do apoio de 41 dos 81 senadores para ser confirmado PGR.

De acordo com a presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa, Simone Tebet (MDB-MS), a previsão é de que a sabatina seja realizada no próximo dia 25.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email