Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Senhas compartilhadas geram prejuízo bilionário em canais de streaming

REDAÇÃO RENOVA Mídia

REDAÇÃO RENOVA Mídia

Senhas compartilhadas geram prejuízo bilionário em canais de streaming
COMPARTILHE

Canais de streaming agem como se dividir senhas não fosse assim tão preocupante, já que parece inevitável.

5 anos atrás, Richard Plepler, ex-CEO da HBO, via o compartilhamento de senhas seria um “excelente veículo de marketing para a próxima geração de espectadores”. 

Essa também era a opinião do cofundador e CEO da Netflix, Reed Hastings

Pois em 2019, as empresas de streaming perderam cerca de US$ 9,1 bilhões com o compartilhamento de senhas e pirataria, informa o site TecMundo.

A empresa de pesquisas Parks Associates disse que, se não houver mudanças, a sangria tende a chegar a US$ 12,5 bilhões em 2024.  

Os grandes canais de streaming, porém, não parecem preocupados com a prática — apesar de repudiarem a venda ilegal de senhas.

Jon Giegengack, diretor da Hub Entertainment Research, explicou:

“Há uma mudança cultural particularmente entre os jovens, em que compartilhar coisas com pessoas que você conhece é uma atitude que impacta a maneira como eles consomem muitas coisas, não apenas TV e filmes.”

Resolver este problema não é simples — e talvez por isso os canais de streaming ajam como se dividir senhas não seja assim tão preocupante, já que parece inevitável.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM