- PUBLICIDADE -

Sergio Moro classifica inquérito da PGR como ‘intimidatório’

Sergio Moro classifica inquérito da PGR como ‘intimidatório’
Imagem: Sérgio Lima/PODER 360
- PUBLICIDADE -

PGR vai investigar as acusações feitas por Moro e apura possível crime de denunciação caluniosa contra Bolsonaro.

O ex-ministro Sergio Moro afirmou, nesta quinta-feira (30), que o pedido de abertura das investigações feito pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, sobre as denúncias de interferência do presidente da República, Jair Bolsonaro, na Polícia Federal (PF) foi “intimidatório”.

Além de investigar as acusações feitas por Moro, Aras pediu a apuração de denunciação caluniosa contra Bolsonaro.

Em entrevista à revista Veja, Moro declarou:

“Entendi que a requisição de abertura desse inquérito que me aponta como possível responsável por calúnia e denunciação caluniosa foi intimidatória. Dito isso, quero afirmar que estou à disposição das autoridades.”

Questionado sobre quais provas teria a apresentar contra Bolsonaro, Moro limitou-se a dizer que irá se pronunciar quando for questionado pela Justiça:

“Reitero tudo o que disse no meu pronunciamento. Esclarecimentos adicionais farei apenas quando for instado pela Justiça. As provas serão apresentadas no momento oportuno, quando a Justiça solicitar.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -