Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Sergio Moro veta regalias do detento Lula

COMPARTILHE

O juiz federal Sergio Moro vetou quaisquer privilégios para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas visitas à prisão, que cumpre numa sala reservada da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.

No despacho que trata do início da execução da pena de Lula podemos constatar este fato:

Nenhum outro privilégio foi concedido, inclusive sem privilégios quanto a visitações, aplicando-se o regime geral de visitas da carceragem da Polícia Federal.

Foto: Reprodução/O Antagonista

Além desse detalhe, de acordo com informações do Estado de Minas:

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode perder o direto a seguranças e motoristas. Em caráter de urgência, a Administração da Presidência da República fez uma consulta à Casa Civil, que analisa quais regalias Lula perderá com a prisão, ocorrida no sábado.

Além dos serviços de condução e segurança, assegurados aos ex-presidentes e pagos pelos Planalto, devem ser suspensos o uso de veículos oficiais e as despesas com viagens. O direito a assessores pessoais deve ser mantido, mas ainda não há consenso sobre o assunto dentro da Presidência.

Lula se entregou e está preso na superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Ele foi condenado em segunda instância a 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE