Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Sindicatos acusam Bolsonaro de genocídio em tribunal internacional

Bolsonaro parabeniza PF por operação contra governo Witzel
Imagem: Pedro Ladeira/Folhapress
COMPARTILHE

Organizações acusam Bolsonaro de “crime contra a humanidade” por ações durante pandemia.

Uma denúncia coletiva foi apresentada, neste domingo (26), contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, no Tribunal Penal Internacional (TPI) em Haia, nos Países Baixos, por genocídio. 

O documento, que foi apresentado por dezenas de sindicatos de profissionais da saúde, alega que a omissão diante da pandemia do novo coronavírus caracteriza um crime contra a humanidade.

Além da Rede Sindical Brasileira UNISaúde, a denúncia também é assinada por outras entidades:

  • Central Única dos Trabalhadores (CUT);
  • Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST);
  • Internacional dos Serviços Públicos;
  • UNI Global Union.

“Esse comportamento irresponsável e afrontoso às orientações das autoridades internacionais de saúde, com a exposição de milhões de pessoas é crime contra a humanidade”, diz o texto, segundo o jornal Estadão.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários