Sindicatos anunciam greve geral em junho contra a Nova Previdência

Idiomas:

Português   English   Español
Sindicatos anunciam greve geral em junho contra a Nova Previdência
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Centrais sindicais aprovam anúncio de greve geral em junho contra a reforma da Previdência proposta pelo governo Bolsonaro.


Na última sexta-feira (26), as principais centrais sindicais do Brasil decidiram usar o Dia do Trabalho, 1º de maio, para anunciar a convocação de greve geral contra a reforma da Previdência e a mudança na política de reajuste do salário mínimo.

A paralisação de diversas categorias será chamada para 14 de junho.

João Carlos Gonçalves, secretário-geral da Força, diz que “no movimento tem gente que está contra toda a reforma e tem uma parcela dos sindicalistas que quer a negociação”.

Siga a RENOVA no TWITTER e acompanhe todas as notícias em tempo real.

Além da Força, participaram da reunião CUT, Intersindical, Nova Central, UGT, CGTB, CSB e CTB. Outras centrais divulgaram chamado para a mobilização.

Haverá ainda uma manifestação dia 15 de maio, em apoio aos professores. “Será um ‘esquenta’ para a greve geral de junho”, classificou a CUT, segundo a Folha.

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...