‘Só Deus me tira da cadeira’, diz Bolsonaro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“O que estamos vendo acontecer no Brasil não vai se concretizar”, diz Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que apenas Deus pode tirá-lo da cadeira presidencial. 

Bolsonaro reclamou de um prazo de 5 dias que a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, deu ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para que ele explique porque não analisou os pedidos de impeachment protocolados na Casa.

Em live no Facebook, nesta quinta-feira (15), Bolsonaro declarou:

“Eu não quero me antecipar e falar o que acho sobre isso aí, mas digo uma coisa: só Deus me tira da cadeira presidencial e me tira, obviamente, tirando a minha vida. Fora isso, o que estamos vendo acontecer no Brasil não vai se concretizar. Mas não vai mesmo. Não vai mesmo.”

O chefe do Executivo disse ainda que vai se encontrar com Lira “para discutir brevemente esse assunto”:

“Vamos ver qual encaminhamento o Lira vai dar no tocante a isso. Se vão abrir processo ou não.”

Antes de finalizar a transmissão ao vivo, Bolsonaro disse que dormiria “tranquilíssimo” com a notícia:

“Boa noite, fique tranquilo porque vou dormir tranquilíssimo essa noite e vamos ver o desenrolar dessa notícia do nosso Supremo Tribunal Federal.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.