Soros envia alerta sobre líder do regime comunista da China

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O texto de Soros foi intitulado: "Ditadura de Xi ameaça o estado chinês".

O bilionário George Soros, um dos principais financiadores globais da agenda progressista, enviou um alerta, nesta segunda-feira (16), sobre o líder do regime comunista da China.

Em uma coluna publicada no jornal Wall Street Journal, Soros classificou Xi Jinping como o “inimigo mais perigoso das sociedades abertas do mundo“.

Ainda no texto, que foi intitulado “Ditadura de Xi ameaça o estado chinês“, Soros afirma que o líder comunista segue em “sua busca por poder pessoal” através do Partido Comunista Chinês (PCCh).

George Soros acrescentou:

“Xi Jinping, o governante da China, sofre de várias inconsistências internas que reduzem muito a coesão e a eficácia de sua liderança.”

E completou:

“Há um conflito entre suas crenças e ações e entre suas declarações públicas de querer fazer da China uma superpotência e seu comportamento como governante doméstico. Essas contradições internas se revelaram no contexto do conflito crescente entre os EUA e a China.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.