Português   English   Español

George Soros financia ativistas tentando reverter Brexit

O bilionário húngaro-americano, George Soros, está sendo acusado de intromissão na política britânica, depois que notícias revelaram alto investimento do globalista para reverter o Brexit.

George Soros é um dos três doadores que financiam a campanha “Melhor para a Grã-Bretanha“, movimento que está pressionando os deputados a convocar um segundo referendo para saber, novamente, a opinião do público sobre o acordo final do Brexit.

O jornal britânico Telegraph relata que Soros também planeja recrutar os principais doadores conservadores na tentativa de prejudicar os planos da primeira-ministra Theresa May. O magnata teria hospedado nomes influentes direitistas e esquerdistas em sua casa na capital Londres.

Melhor para a Grã-Bretanha” planeja lançar uma campanha publicitária nacional este mês. Eles esperam que a iniciativa leve o país a um segundo referendo. Um documento vazado indica que a campanha pretende “acordar o país e afirmar que a Brexit não é um acordo final. Não é tarde demais para parar o Brexit.

Soros fez uma doação de 400 mil libras – cerca de 555 mil dólares – através de sua Fundação Open Society.

O bilionário já foi alvo de intensas críticas de figuras políticas do Reino Unido. Em 2017, o ex-líder do UKIP, Nigel Farage, alertou aos deputados da União Europeia sobre a influência extraordinária de George Soros contra o Brexit.

Os comentários de Farage foram feitos depois das notícias sobre Soros injetando 18 bilhões de dólares na sua fundação no ano passado.

Com informações de: [RT]

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter