Soros retira fundação da Turquia após atrito com Erdogan

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Fundação do bilionário Soros suspende atividades na Turquia após acusações de Erdogan.

A Open Society Foundation, organização do bilionário húngaro-americano George Soros, anunciou nesta segunda-feira (26) que vai cessar suas operações na Turquia.

A decisão foi tomada após o líder do regime islâmico Recep Tayyip Erdogan acusar Soros de tentar “dividir e destruir nações”.

A fundação disse ter sido alvo de “acusações infundadas” na mídia turca, o que impossibilitou a continuação de seu trabalho.

A organização de Soros também enfrenta uma investigação do Ministério do Interior sobre uma possível ligação com os protestos no Parque Gezi, em Istambul, em 2013.

O magnata é conhecido por utilizar seu exército de organizações não-governamentais para fomentar protestos em nações mundo afora.

Em um discurso na semana passada, Erdogan ligou Soros aos 13 detidos por “tentar derrubar o governo por meio de protestos em massa”:

A pessoa que financiou terroristas durante os incidentes de Gezi já está na prisão. E quem está por trás dele? O famoso judeu húngaro Soros. Este é um homem que designa pessoas para dividir nações e destruí-las. Ele tem muito dinheiro e passa assim.

 

Adaptado da fonte Globo

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.