- PUBLICIDADE -

STF atende PGR e autoriza abertura de inquérito contra Salles

Justiça permite quebra de sigilos do ministro Ricardo Salles
- PUBLICIDADE -

Cármen Lúcia autoriza abertura de inquérito para investigar ministro do Meio Ambiente.

O Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou, nesta quarta-feira (2), a abertura de um inquérito para investigar o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles

A ministra Cármen Lúcia atendeu a um pedido feito no dia 31 de maio pela Procuradoria-Geral da República (PGR), que é comandada por Augusto Aras.

O pedido teve como base uma notícia-crime apresentada em abril contra Salles por suposta tentativa de atrapalhar uma apuração da Polícia Federal (PF) que envolveu a maior apreensão de madeira do Brasil, feita na operação “Handroanthus”.

O inquérito demonstrará que não há, nem nunca houve, crime nenhum”, disse a assessoria de imprensa de Salles ao ser questionada pelo portal G1.

A notícia-crime foi protocolada pelo delegado da PF, Alexandre Saraiva, então superintendente da PF no Amazonas. 

Dias atrás, como noticiou a Renova, Salles fez um pedido ao STF para ser ouvido em depoimento por um representante da PF e pela Procuradoria-Geral da República.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -