STF pede ‘espírito republicano’ após críticas de Bolsonaro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Supremo cobra “espírito republicano” após Bolsonaro apontar “politicalha”.

O Supremo Tribunal Federal (STF) cobrou “espírito republicano” depois de o presidente da República, Jair Bolsonaro, ter criticado o ministro Luís Roberto Barroso.

Em nota, o STF disse que questionamentos a decisões da Corte “devem ser feitos nas vias recursais próprias”:

“O Supremo Tribunal Federal reitera que os ministros que compõem a Corte tomam decisões conforme a Constituição e as leis e que, dentro do Estado democrático de Direito, questionamentos a elas devem ser feitos nas vias recursais próprias, contribuindo para que o espírito republicano prevaleça em nosso país.”

Mais cedo, Bolsonaro disse que Barroso pratica “politicalha” e “ativismo judicial”. 

O chefe do Executivo criticou a decisão de Barroso de obrigar o Senado Federal a instalar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.