- PUBLICIDADE -

STF pode gastar quase R$ 2 milhões em cortinas motorizadas

STF pode gastar quase 2 milhoes em cortinas motorizadas
Imagem: Dorivan Marino – STF
- PUBLICIDADE -

STF já possui 398 cortinas motorizadas. Elas estão distribuídas no plenário do STF e nos 2º e 3º andares.

Em meio à pandemia do novo coronavírus, o Supremo Tribunal Federal (STF) abriu uma licitação em que prevê gastos de quase R$ 2 milhões na compra de cortinas motorizadas para o edifício sede, em Brasília

O valor máximo previsto que a instituição prevê gastar é de R$ 1.793.432,00. A quantia já inclui também a instalação dos equipamentos. Além do acessório, o valor contempla a instalação dos equipamentos.

A informação foi publicada pela CNN Brasil. As novas cortinas podem se somar às outras 398 que o prédio do Supremo já tem. 

Os itens estão presentes no plenário do STF, nas salas do 2º e 3º andar e também no gabinete onde fica o presidente, atualmente o ministro Dias Toffoli.

As empresas interessadas na licitação têm até o dia 23 deste mês para apresentarem suas propostas.

De acordo com o edital de licitação, os recursos estão previstos no Orçamento Geral da União de 2020 ao STF.

Em resposta à emissora CNN Brasil, a assessoria de imprensa do STF afirmou que “trata-se de uma aquisição de material destinado à conclusão da obra de restauração das esquadrias e dos vidros do edifício-sede, cujo planejamento e início de execução foram amplamente divulgados em 2019”.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -