- PUBLICIDADE -

STF reforça segurança do ministro Fachin

Fachin defende aprimoramento das leis eleitorais

“Toda solidariedade ao ministro Fachin e família”, diz Gilmar.

- PUBLICIDADE -

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, recebeu manifestações de apoio, nesta sexta-feira (12), após anular condenações do ex-presidente Lula da Silva (PT) no âmbito da operação “Lava Jato”.

Logo após o anúncio da decisão, o STF já reforçou a segurança de Fachin e de familiares.

Ontem, o ministro Gilmar Mendes enfatizou que decisões podem ser contestadas na Justiça, mas não por meio de manifestações de ódio:

“Toda solidariedade ao ministro Fachin e família. Decisões judiciais podem ser recorridas ou criticadas, mas nunca por meio do discurso do ódio e da pressão autoritária. Ameaças e perseguições não impedirão o STF de continuar a proteger os direitos fundamentais e a CF/88 (Constituição).”

O ex-juiz Sergio Moro, que condenou Lula no caso do triplex do Guarujá, também usou uma rede social para defender Fachin e elogiou a atuação técnica do ministro:

“Repudio ofensas e ataques pessoais ao Ministro Edson Fachin do STF, magistrado técnico e com atuação destacada na Operação Lava Jato. Qualquer discordância quanto à decisão deve ser objeto de recurso, não de perseguição.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -