STF suspende acordo firmado entre a Lava Jato e os EUA

Idiomas:

Português   English   Español
STF suspende acordo firmado entre a Lava Jato e os EUA
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Supremo suspendeu criação de fundo anticorrupção com os R$ 2,5 bilhões depositados pela Petrobras em cumprimento ao acordo firmado entre o Ministério Público Federal (MPF) e o Departamento de Justiça dos Estados Unidos.


O ministro Alexandre de Moraes, do STF, suspendeu nesta sexta-feira (15) todos os efeitos do acordo celebrado pela força-tarefa da Lava Jato de Curitiba e que previa a criação de uma fundação com os bilhões recuperados da Petrobras.

A estatal brasileira depositou exatamente R$ 2.567.756.592,00 em conta vinculada à 13ª Vara Federal de Curitiba, em cumprimento ao acordo feito com os procuradores da Operação Lava Jato.

O magistrado da Corte máxima ainda determinou o bloqueio de todos os valores e submeteu qualquer movimentação desse dinheiro à “expressa decisão do Supremo Tribunal Federal”, informa a Folha.

Siga a RENOVA no TWITTER e acompanhe todas as notícias em tempo real.

Ministros do STF já haviam demonstrado críticas ao acordo, como foi o caso de Marco Aurélio Mello. Em entrevista na semana passada, como noticiou o RENOVA, o magistrado afirmou:

“A mesclagem do público com o privado não interessa ao Estado, não interessa à sociedade. É pernicioso fazendo surgir ‘super órgãos’, inviabilizando o controle fiscal financeiro. É a perda de parâmetros, é o descontrole, é a bagunça administrativa. É a Babel.”

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...