Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

STF volta a adiar julgamento que pode tornar Bolsonaro réu por racismo

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

Ministro do STF, Alexandre de Moraes, afirmou que análise do caso será retomada “logo” e que não deu o voto de desempate nesta terça-feira (4) porque “mudou de ideia”.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes disse que o julgamento sobre o recebimento ou não de uma denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o deputado Jair Bolsonaro (RJ), pelo crime de racismo, não será retomado nesta terça-feira (4).

Questionado, o ministro disse que devolverá o processo para julgamento “logo”, mas não falou em data.

Na última terça-feira (28), quando a análise do caso foi iniciada, Moraes pediu vista (mais tempo) e prometeu devolver o processo para julgamento nesta semana. Quando perguntado novamente sobre assunto, o ministro disse que “mudou de ideia” sobre a data.

O pedido de vista de Moraes foi feito após a Primeira Turma do STF se dividir sobre o recebimento da denúncia contra o candidato do PSL à Presidência da República.

Adaptado da fonte Gazeta do Povo
- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram