- PUBLICIDADE -

Suécia divulga poemas de escritor preso pelo regime chinês

Suécia divulga poemas de escritor preso pelo regime chinês
- PUBLICIDADE -

Os livros do escritor são proibidos no continente chinês, mas legais em Hong Kong.

Uma editora da Suécia distribuiu, nesta terça-feira (5), poemas escritos por um autor de Hong Kong.

O escritor em questão cumpre pena de 10 anos de reclusão após ser condenado por supostamente fornecer informações a estrangeiros ilegalmente.

Os poemas foram contrabandeados para o exterior da prisão na China onde o escritor está recluso.

Gui Minhai, cidadão sueco nascido na China, é o mais destacado de cinco livreiros que desapareceram em 2015.

Todos os desaparecidos estavam vinculados a uma livraria em Hong Kong conhecida por seus textos de fofoca sobre líderes políticos chineses.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -