Suíça alerta China que ‘mundo ocidental reagirá’

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“As violações dos direitos humanos estão aumentando”, diz chanceler suíço.

O governo da Suíça é um dos parceiros mais próximos do Partido Comunista Chinês (PCCh) na Europa.

Esta aproximação, no entanto, não impediu o ministro das Relações Exteriores da Suíça, Ignazio Cassis, de criticar os abusos de direitos humanos pela China e a intensificação da repressão contra Hong Kong

Em conversa com a mídia local, Cassis disse que as ações chinesas vão provocar uma grande reação internacional:

“Se a China seguir seu novo rumo, o mundo ocidental reagirá de forma mais decisiva.”

De acordo com o jornal Washington Examiner, o chanceler da Suíça acrescentou:

“O estado de direito e os direitos humanos sempre fizeram parte do nosso diálogo. Agora, percebemos que a história é mais turbulenta do que pensávamos. As violações dos direitos humanos estão aumentando. Queremos proteger esses direitos.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.