Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Taiwan confirma que fará grande encomenda de armas aos EUA

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Taiwan confirma que fará grande encomenda de armas aos EUA
COMPARTILHE

A China considera Taiwan parte de seu território. A ilha é liderada por um regime rival, que se refugiou ali após a tomada de poder pelos comunistas no continente, em 1949.

O governo de Taiwan confirmou, nesta quinta-feira (6), sua intenção de substituir material bélico obsoleto ao encomendar tanques e sistema de mísseis portáteis aos Estados Unidos.

O ministério da Defesa de Taiwan fez oficialmente um pedido de 108 tanques de combate M1A2 Abrams, mais de 1.500 mísseis anti-tanque Javelin e TOW, bem como 250 lança-mísseis terra-ar de curto alcance Stinger.

A China imediatamente expressou “sérias preocupações” sobre o anúncio de Taiwan. O porta-voz do ministério das Relações Exteriores, Geng Shuang, alertou:

“Nós pedimos várias vezes aos Estados Unidos para que tomasse ciência da natureza extremamente sensível e prejudicial da sua decisão de vender armas a Taiwan e de respeitar o princípio de uma só China.”

O governo americano já indicou ao Congresso sua intenção de vender equipamentos militares para Taiwan. Este pedido é estimado em cerca de US$ 2 bilhões, segundo a agência Bloomberg News.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram