Talibã paralisa vacinação contra Covid-19 no Afeganistão

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Talibã alertou a equipe de distribuição de vacinas para evitar distribuí-las.

O grupo terrorista Talibã conseguiu retomar o controle de Cabul, capital do Afeganistão, após vários dias de um avanço surpreendente.

Enquanto expande rapidamente seu controle por todas as províncias do país, o Talibã já coloca em prática sua agenda, que vigorou no país entre o final dos anos 90 e o início dos anos 2000. 

De acordo com o jornal local Shamshad News, a vacinação contra Covid-19 já foi interrompida na província de Paktia, no leste do país. 

Desde a tomada da capital afegã pelo Talibã, as vacinas contra a Covid-19 pararam de ser distribuídas pela região.

Em entrevista ao jornal, Walayat Khan Ahmadzai, diretor provincial de saúde pública da região, disse que o Talibã ordenou os funcionários do hospital regional para pararem de distribuir o imunizante.

De acordo com Ahmadzai, a enfermaria responsável pela aplicação das doses está fechada há três dias e os cidadãos são informados de que a vacinação foi proibida. 

Ahmadzai acrescentou que o Talibã ainda alertou a equipe de distribuição de vacinas para evitar distribuí-las.

Até o momento, não há informações concretas sobre como está a campanha de vacinação no resto do país.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.