- PUBLICIDADE -

Terceiro andar do Palácio do Planalto na mira da CPMI

Terceiro andar do Palácio do Planalto na mira da CPMI
- PUBLICIDADE -

CPMI quer solicitar IP e dados de computadores de servidores que atuam no andar onde Bolsonaro despacha.

O terceiro andar do Palácio do Planalto entrou na mira das investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPMI) das Fake News

Nas próximas semanas, o presidente da comissão, senador Angelo Coronel (PSD-BA), vai solicitar acesso aos dados dos computadores usados por servidores que atuam no mesmo andar no qual o presidente da República, Jair Bolsonaro, despacha diariamente.

A decisão de pedir acesso aos IPs e dados das máquinas foi tomada depois que a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP), ex-líder do governo no Congresso Nacional, prestou depoimento na CPMI, na última quarta-feira (4).

Joice acusou assessores diretos e dois filhos do presidente da República de disseminar ataques contra adversários políticos durante o horário de serviço, como noticiou a RENOVA.

Em conversa com o jornal Estadão, o presidente da CPI declarou:

“Vamos pedir a quebra dos IPs para localizar as máquinas. Se por um acaso tiver requerimento, e tiver provas concretas que existe computador dentro do Palácio do Planalto que faz a divulgação, claro que pode ser quebrado. Não podemos quebrar se não tiver prova. Tendo provas, nós vamos correr atrás.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -