- PUBLICIDADE -

STJ manda Queiroz para prisão domiciliar

Mulher de Queiroz também teve prisão decretada

- PUBLICIDADE -

Advogados de Queiroz, que está com câncer, alegaram motivos de saúde no pedido de liberdade.

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio Noronha, concedeu, nesta quinta-feira (9), prisão domiciliar a Fabrício Queiroz e para a sua mulher, Márcia Aguiar, que está foragida da Justiça.

O ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro estava preso preventivamente desde junho. 

Noronha determinou que ambos sejam monitorados eletronicamente e proibiu o casal de usar telefones, computadores e tablets.

Já o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) atendeu a um pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) para obter acesso às bases de dados das forças-tarefas em São Paulo, Rio e Curitiba. 

Toffoli afirmou ainda que há indícios de “graves fatos” que apontam investigações, por parte da Lava Jato, de políticos com direito a foro privilegiado, como os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, destaca o portal Terra.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -