Três detidos com envolvimento no atentado contra Jair Bolsonaro

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, foi esfaqueado por um elemento na tarde desta quinta-feira (6) na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

Bolsonaro está internado na CTI após passar por procedimento cirúrgico na Santa Casa de Juiz de Fora. Segundo os médicos, sua condição é estável e ele não corre risco de morte.

O elemento que desferiu o golpe de faca contra Jair Bolsonaro chama-se Adelio Bispo de Oliveira, um militante de esquerda com passagem pela polícia.

Segundo informações obtidas no perfil no Facebook do esfaqueador, no dia em 5 de julho passado no Clube e Escola de Tiro .38, em Florianópolis (SC).

A escola é frequentada por filhos do candidato do PSL como Eduardo Bolsonaro. Preso logo após o atentado, Oliveira ativou o “check in” do Facebook ao visitar o local, segundo O Antagonista.

Ainda de acordo com o jornal, a polícia de Juiz de Fora também prendeu Hugo Ricardo Bernardo e Bruno Pereira da Silva.

O envolvimento deles com o atentado ainda está sendo apurado. Os investigadores trabalham com a suspeita de envolvimento de uma mulher.

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações