Português   English   Español

TRF-4 envia Palocci para o regime semiaberto domiciliar

O benefício foi concedido devido ao acordo de delação premiada assinado pelo ex-ministro dos governos Lula e Dilma.

Antonio Palocci está preso preventivamente desde setembro de 2016 em Curitiba.

O ex-ministro do PT foi condenado em primeira instância a 12 anos, 2 meses e 20 dias pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, em junho do ano passado.

A maioria dos desembargadores da 8ª Turma do TRF-4 votou, nesta quarta-feira (28), pela redução de pena de Palocci e pela sua progressão para o regime semiaberto domiciliar, com o uso de tornozeleira eletrônica, segundo informações da Jovem Pan.

Os advogados da defesa alegaram que Palocci prestou 141 horas de depoimentos no âmbito da Lava Jato, além de ter entregue diferentes tipos de provas, como contratos simulados, rastreadores e veículos, e a indicação de três testemunhas que teriam presenciado ilícitos.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter