Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

TRF-4 mantém pena de 17 anos de Lula no caso do sítio de Atibaia

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Lava Jato reforça pedido de condenação para Lula no caso do sítio em Atibaia
COMPARTILHE

Esta é a segunda sentença em segundo grau de Lula nos processos da Lava Jato, em Curitiba.

Os desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negaram os recursos apresentados pela defesa do ex-presidente Lula da Silva (PT) no caso do sítio de Atibaia.

Eles mantiveram a sentença proferida pela corte em novembro do ano passado, de 17 anos e 1 mês de prisão, em regime fechado.

Esta é a pena mais pesada imposta pela operação “Lava Jato” ao petista.

Lula foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no processo do sítio de Atibaia. O recurso buscava reverter aspectos desta sentença.

O julgamento desta quarta (6) foi concluído no plenário virtual do TRF-4. A análise do caso começou na última semana passada, destaca o portal Terra.

Em primeira instância, Lula foi sentenciado no caso do sítio de Atibaia em fevereiro de 2019 pela 13.ª Vara Federal em Curitiba.

Ele é acusado de receber R$ 1 milhão em propinas via reformas do sítio de Atibaia, que está em nome de Fernando Bittar, filho do amigo de Lula e ex-prefeito de Campinas, Jacó Bittar.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.