Trump acredita que entrevista com Mueller pode ser uma armadilha

Idiomas:

Português   English   Español
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse na segunda-feira (20) que qualquer declaração sob juramento que ele fornecesse ao procurador especial Robert Mueller seria utilizada para gerar acusações de perjúrio contra ele como parte da investigação sobre a interferência eleitoral da Rússia.


Em uma entrevista ao jornal “Reuters”, Trump ecoou as preocupações de seu principal advogado na investigação, Rudy Giuliani, que advertiu que qualquer entrevista com Mueller poderia ser uma “armadilha de perjúrio”.

O presidente expressou temores de que os investigadores pudessem comparar suas declarações com as de outros que testemunharam na investigação, como o ex-diretor do FBI James Comey, e que quaisquer discrepâncias poderiam ser usadas contra ele.

“Mesmo se eu estou dizendo a verdade, isso me faz um mentiroso”, disse Donald Trump. “Isso não é bom.”

Apesar de suas preocupações, Trump não comentou se acabaria concordando com uma entrevista com Robert Mueller, que é o procurador especial designado para liderar a investigação sobre o suposto conluio entre a campanha republicana e a Rússia.

O presidente dos Estados Unidos classifica a investigação como uma caça às bruxas – composta por vários agentes com viés esquerdista – cujo único objetivo é tirá-lo da Casa Branca.

 

Adaptado da fonte Reuters

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...