- PUBLICIDADE -

Trump busca revitalização da indústria do carvão nos EUA

- PUBLICIDADE -

Projeto apresentado pela Agência de Proteção Ambiental (EPA) transfere para os Estados a maior parte da regulação sobre o setor e substitui as mudanças radicais no mix de energia do país propostas por Barack Obama.

Andrew Wheeler, administrador em exercício da EPA, afirmou que a proposta “restaura o estado de direito e capacita os Estados a reduzir as emissões de gases de efeito estufa” ao mesmo tempo em que fornecerá “energia moderna, confiável e acessível para todos os americanos”.

Ele disse em comunicado:

A proposta de hoje fornece aos Estados e à comunidade regulada a certeza de que eles precisam para continuar o progresso ambiental enquanto cumprem a meta do presidente Trump de domínio energético.

A medida é mais uma das ações tomadas por Donald Trump para cumprir as promessas de campanha de revitalizar a indústria do carvão e restaurar os empregos na mineração.

Embora seja improvável que altere drasticamente o mix de energia dos Estados Unidos – ou dê um grande impulso à demanda interna de carvão – os defensores do setor elogiaram o esforço para “limitar a influência do governo federal e nivelar o campo de jogo”.

“A política apresentada pelo governo anterior foi uma tentativa ilegal de impor uma agenda política ao sistema de energia do país”, disse Hal Quinn, presidente da Associação Nacional de Mineração. “A nova regra respeita a infraestrutura e as realidades econômicas que são únicas para cada Estado, permitindo soluções direcionadas, ao invés de impor algo de cima para baixo.”

 

Adaptado da fonte Estadão

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -