Trump pede cadeia para assistente de Hillary Clinton

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O presidente Donald Trump pediu que Huma Abedin, a principal assessora de Clinton, fosse presa por fornecer informações confidenciais do governo.

Relatórios mostraram que Huma Abedin enviou e-mails, que incluíam senhas de sistemas do governo, para sua conta pessoal de e-mail do Yahoo.

Algum tempo depois, milhões de contas do Yahoo foram invadidas e o conteúdo secreto do governo norte-americano caiu nas mãos de hackers.

Os e-mails foram divulgados dias atrás como parte de um processo do Judicial Watch.

O presidente Trump tuitou:

Huma Abedin, principal assistente da corrupta Hillary Clinton, foi acusada por negligenciar protocolos básicos de segurança. Ela colocou Senhas Confidenciais nas mãos de agentes estrangeiros. Lembram das imagens dos marinheiros no submarino? Cadeia! Departamento de Justiça do “estado profundo” vai finalmente agir? Também contra Comey & outros.

Trump também mencionou o ex-diretor do FBI, James B. Comey, em seu tweet dizendo que ele também precisa ser investigado por suas ações no caso de Clinton.

Comey redigiu uma carta limpando Clinton, a candidato presidencial democrata, de qualquer irregularidade antes da conclusão da investigação em 2016.

 

Com informações de: (1)
SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...

SIGA A RENOVA