Trump pensa em cortar financiamento da ONU para Palestina

Idiomas:

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

A embaixadora dos EUA, Nikki Haley, afirmou que Trump quer parar de financiar agência das Nações Unidas para refugiados da Palestina, até que os palestinos decidam retornar para negociações de paz.


Não ficou imediatamente claro se o comentários de Haley se referia apenas ao financiamento da UNRWA, ou ao financiamento geral dos EUA relacionado à Autoridade Palestina, mas de qualquer forma, sua declaração será percebida como uma ameaça e uma tentativa de coagir os palestinos a voltarem para as negociações de paz sob a orientação da administração Trump.

Donald Trump começou o ano de 2018 no twitter em ritmo acelerado e deixou claro que vai utilizar bastante a rede social como ferramenta para modelar a política externa dos Estados Unidos.

Siga a RENOVA no TWITTER e acompanhe todas as notícias em tempo real.

Minutos atrás, ele tuitou:

Não é apenas ao Paquistão que nós pagamos bilhões de dólares por nada. Por exemplo, nós pagamos aos Palestinos CENTENAS DE MILHÕES DE DÓLARES por ano e não recebemos  apreciação ou respeito. Eles nem sequer querem voltar a negociar um atrasado acordo de paz com Israel. Nós tiramos Jerusalém, a parte mais difícil da negociações, mas Israel, para isso, tiveram que pagar mais. Mas com os Palestinos sem querer negociar mais, porque devemos continuar fazendo pagamentos maciços para eles?

Hoje, mais cedo, o presidente Trump também utilizou o twitter para criticar o Paquistão por espalhar “fraudes e mentiras” e por não contribuir com a luta contra o terrorismo.

 

Com informações de: (1)

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...