PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Trump elogia Macron por projeto que combate imigração ilegal

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, saudou nessa terça-feira (24) as medidas “nem sempre populares” adotadas pela França para combater a “imigração descontrolada”.

Em entrevista coletiva na Casa Branca ao lado de Emmanuel Macron, o presidente Donald Trump declarou:

Estados Unidos e França têm um desafio que vem de muito longe: a imigração descontrolada. Estamos adotando decisões sérias para recuperar o controle das nossas fronteiras e de nossa soberania.

De acordo com informações da Isto É:

O líder americano destacou que admira “a autoridade” mostrada por Macron para administrar este tema “de uma maneira muito honesta e direta, e não sempre popular”, em referência ao projeto de lei votado no domingo passado pelos deputados franceses “por uma imigração controlada, um direito de asilo efetivo e uma integração de sucesso”.

O texto tem por objetivo reduzir o tempo necessário para a análise dos pedidos de asilo a fim de agilizar a expulsão dos peticionários rejeitados, assim como a recepção das pessoas aprovadas. Também amplia o período máximo de detenção administrativa dos estrangeiros a espera da expulsão, incluindo crianças.

A oposição de esquerda qualificou a lei de “desumana” e afirmou que “torna o estrangeiro um suspeito”, enquanto o Tribunal Europeu de Direitos Humanos (TEDH) condenou o governo francês pela detenção de menores de idade.

A direita também critica a reforma, alegando que facilita a regularização dos imigrantes ilegais.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.