Português   English   Español

Governo Trump investiga financiamento e narcoterrorismo do Hezbollah

O procurador-geral dos Estados Unidos, Jeff Sessions, anunciou nesta quinta-feira (11/01) a criação de uma equipe especializada em terrorismo, tráfico internacional de drogas, crime organizado e lavagem de dinheiro que investigará a o grupo terrorista libanês Hezbollah.

A chamada Equipe de Financiamento e Narcoterrorismo do Hezbollah (HFNT, por sua sigla em inglês), terá a tarefa de “investigar as pessoas e redes que dão apoio” a esse grupo libanês que Washington mantém em sua lista de organizações terroristas, e levar perante os tribunais os culpados.

“O HFNT começará avaliando as provas das investigações existentes, incluídos os casos derivados do Projeto Cassandra, uma investigação policial que aponta para o tráfico de drogas do Hezbollah”, afirmou o Departamento de Justiça em um comunicado.

Em dezembro, Jeff Sessions confirmou que revisaria o chamado Projeto Cassandra, algumas investigações contra o Hezbollah por tráfico de cocaína que, segundo o jornal “Politico”, o Governo de Barack Obama freou para não influenciar nas negociações nucleares com o Irã.

O Departamento de Justiça considera que a revisão do projeto Cassandra tem como objetivo “avaliar as acusações que certas questões não foram adequadamente perseguidas e para assegurar que todas as questões sejam tratadas adequadamente”.

Em seu anúncio de dezembro, Sessions disse que acreditava que o anterior Governo de Obama “não impôs barreiras para permitir aos agentes do DEA que levassem adiante o Projeto Cassandra”.

O HFNT “utilizará todas as ferramentas apropriadas para investigar e processar agressivamente os que prestam apoio financeiro ao Hezbollah em um esforço por erradicar as redes ilícitas que alimentam o terrorismo e a crise das drogas”, acrescentou.

 

Com informações de: (1)

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter