Trump diz que investigação sobre a Rússia é um ataque contra os EUA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, está indignado após o procurador especial Robert Mueller enviar o FBI para vasculhar a casa do seu advogado pessoal Michael Cohen.

No início de uma reunião com lideranças militar na noite de segunda-feira (09), Trump criticou a invasão do escritório de advocacia pelo FBI, chamando-a de “situação vergonhosa” e um “ataque contra o nosso país […] um ataque contra o que todos nós defendemos “.

Michael Cohen foi advogado de Trump e seu confidente durante anos, e aconselha o atual presidente em negócios imobiliários e questões pessoais.

Esta tática governamental é muito má, porque Cohen cooperou totalmente com todos os órgãos do governo, entregando milhares de documentos não confidenciais ao Congresso e prestando depoimento sob juramento.

RENOVA separou algumas das frases mais importantes da declaração de Trump:

É uma caça às bruxas total. Eu venho dizendo isso há muito tempo. Eu forneci mais de um milhão de páginas em documentos para o conselho especial.

Eles continuam indo em frente e aqui estamos nós falando sobre a Síria, estamos falando sobre um monte de coisas sérias, e eu tenho essa caça às bruxas acontecendo constantemente há mais de 12 meses. Na verdade, é muito mais do que isso. Você pode dizer que começou logo depois que eu ganhei a nomeação.

Este é o grupo mais tendencioso de pessoas. Essas pessoas têm os maiores conflitos de interesse que eu já vi. Ou são democratas ou republicanos que trabalharam para o presidente Obama. Eles não estão olhando para o outro lado – Hillary Clinton … Eles só continuam olhando para nós.

Na manhã desta terça-feira (10), Donald Trump voltou a criticar a investigação que apura se sua vitória na eleição presidencial de 2016 teve a ajuda do governo russo de Vladimir Putin.

Sigilo entre cliente e advogado está morto!

UMA CAÇA ÀS BRUXAS COMPLETA!

 

Com base em informações de: [Axios]
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia