Português   English   Español
Português   English   Español

TSE deve julgar pedido do Partido Nacional Corinthiano

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
TSE deve julgar pedido do Partido Nacional Corinthiano

Um pedido semelhante do PNC foi rejeitado pela Justiça em Eleitoral no ano de 2015.

O pedido de registro do Partido Nacional Corinthiano (PNC) pode ser julgado novamente neste segundo semestre de 2019 pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O relator do processo é o ministro Jorge Mussi. Ele pode incluir o processo na pauta ou também pedir novos documentos aos solicitantes.

Os dirigentes do futuro partido pediram a inclusão da solicitação de registro na pauta do plenário do TSE no mês de maio, mas Mussi ainda não respondeu.

O Partido Nacional Corinthiano não tem vínculos com Sport Club Corinthians Paulista e nem com a torcida organizada do time de futebol, como admite o próprio secretário nacional da possível futura legenda, informa o site Congresso em Foco.

Marcelo Mourão, secretário nacional da legenda, aponta que o vínculo é o que ele e os demais fundadores do PNC chamam de ‘corinthianismo’, inspirado no movimento que ficou conhecido como democracia corinthiana, nos anos 1980.

Compartilhe_

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email: