Português   English   Español

Turquia ajuda jihadistas da Síria a montar exército contra Assad

Um “Exército Nacional” criado por jihadistas da Síria com a ajuda da Turquia pode se tornar um obstáculo de longo prazo para o fim do conflito que massacra o país do Oriente Médio há décadas.

O esforço está no centro dos planos da oposição apoiada pela Turquia para garantir e governar uma faixa de território que faz parte da última grande fortaleza jihadista na Síria.

A presença de forças turcas no território ajudou a protegê-la da ofensiva do exército sírio.

Bashar al-Assad, apoiado pela Rússia e pelo Irã, prometeu recuperar “cada centímetro” da Síria e, apesar de já ter reconquistado a maior parte do país, a presença turca complicará qualquer avanço do governo no noroeste.

O papel da Turquia foi além do apoio às forças sírias para a reconstrução de escolas e hospitais. Pelo menos cinco agências do correio turcas foram abertas na região.

O coronel Haitham Afisi, chefe do Exército Nacional, disse que a instalação da força no último ano não foi tarefa fácil.

“Estamos no começo. Enfrentamos muitas dificuldades, mas estamos trabalhando para superá-las”, disse Afisi à Reuters em uma entrevista na cidade de Azaz, perto da fronteira com a Turquia.

 

Adaptado da fonte Reuters

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter